Dívida em família: ‘agiota’ é executado pelo marido da própria sobrinha

Um homem foi preso nesta quarta-feira (16/09) por suspeita de matar o empresário Armando Batista Costa Filho, de 44 anos, por suposta dívida de agiotagem. O crime ocorreu na última quinta-feira (10/08), no condomínio Conquista, bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus/AM. As informações são do Expresso AM.

Preso suspeito de matar suposto agiota em Manaus por causa de R$ 29 mil; ele era marido da sobrinha da vítima

O suspeito seria homem de confiança da vítima, tendo inclusive acesso livre ao local. O homem é ainda marido da sobrinha de Armando e estava devendo a ele a quantia de R$ 29 mil, sem ter como pagar, sendo essa a motivação para o crime.

Continua após a publicidade..

Ele ainda teria almoçado com o empresário antes de matá-lo e liberar a entrada no condomínio para os comparsas. Além de matarem a vítima, o suspeito e os comparsas fugiram do local levando dinheiro, armas e joias.

O caso é investigado na Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudaçõe (DERFD). Erivelson foi preso e vai ficar à disposição da justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *