Sob efeito de drogas, caminhoneiro joga carro de família para fora de estrada e é preso

Um caminhoneiro de 35 anos foi preso após jogar intencionalmente um caminhão que transportava carnes contra um veículo de passeio, que tinha cinco pessoas, entre elas uma criança de cinco anos. O caso aconteceu no último dia 17 de julho, na BR-316, em Valença do Piauí. O motorista, que segundo a polícia estava sob efeito de entorpecentes, afirmou que acreditava que o carro era ocupado por assaltantes que o perseguiam.

A família que estava no veículo de passeio seguia rumo a cidade de Fortaleza, no estado do Ceará, com o objetivo de passar férias. No caminhão estava um homem de 35 anos que transportava 18 toneladas de carne, e seguia para Petrolina, em Pernambuco.

Continua após a publicidade..

Segundo o delegado Maycon Braga, o caminhoneiro admitiu que teria feito uso de cocaína e de Nobésio Extra Forte, conhecido como rebite, uma droga usada para a pessoa ficar por mais tempo acordada. O caminhoneiro, achando que estava sendo perseguido por assaltantes, acabou jogando o veículo contra um carro, com cinco passageiros, que estava apenas tentando fazer uma ultrapassagem.

“Sob efeito de entorpecentes, porque ele admitiu que tinha usado, ele achou que estava sendo perseguido por assaltantes. Um carro estava tentando fazer uma ultrapassagem, mas ele não deixava. Ele chegou a deixar outro veículo fazer uma ultrapassagem, mas não deixou a família que estava no Corolla. O motorista desse carro tentou ultrapassar e ele não deixou, quando o motorista tentou novamente, ele jogou o caminhão, batendo na lateral e fazendo o carro tombar”, explicou o delegado.

Maycon Braga afirmou que após a colisão o caminhoneiro foi até o posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Valença do Piauí, alegando que estava sendo perseguido por assaltantes.

 

“Ele estava tão alterado que se escondeu em um banheiro da PRF afirmando que estava sendo perseguido por assaltantes. Os policiais foram até o local do acidente e encontraram as vítimas, eram cinco passageiros no carro, entre elas uma criança de cinco anos, que tiveram lesões leves. Por sorte, não aconteceu algo mais grave. Estavam saindo de férias e aconteceu isso”, destacou o delegado.

 

No caminhão os agentes da PRF encontraram 20 comprimidos de Nobésio Extra Forte, uma caneta com vestígios de cocaína e uma análise veicular apontou que o homem estava há mais de 24h dirigindo.

Bárbara Rodrigues
redacao@cidadeverde.com

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *