Ex–marido é preso após furar os olhos da mulher para ela não enxergar outros homens

Um homem foi preso sob suspeita de ter furado os olhos da ex-esposa para que ela não enxergasse outros homens, em João Pessoa, capital da Paraíba. O suspeito se entregou à polícia na manhã desta segunda-feira (07/08). As informações são do R7.

FOTO: REPRODUÇÃO

A tentativa de feminicídio ocorreu em frente aos dois filhos, na semana passada, dentro de um apartamento no bairro Água Fria.

Continua após a publicidade..

“Um erro não justifica o outro. Estou aqui para me entregar, e não sou um monstro”, disse o homem. Segundo ele, o crime não foi premeditado, e ele a “pegou no flagra” em conversa com outro homem.

Após cerca de uma semana, o suspeito, de 30 anos, se entregou na delegacia e se responsabilizou pelo ato. Em depoimento, a vítima, de 23, contou que vivia um relacionamento abusivo.

Segundo ela, o ex era muito ciumento e agressivo. O casal havia se separado, e, desde 2020, a mulher possuía uma medida protetiva contra ele.

A vítima foi atacada com diversos golpes de faca no rosto e ficou bastante ferida. Até a publicação da reportagem, ela continuava internada em um hospital da região.

Como denunciar casos de violência contra mulher?

O principal serviço para comunicar um caso de violência doméstica é o Ligue 180. O telefone é de abrangência nacional. As denúncias podem ser feitas de forma gratuita e confidencial. A central funciona 24 horas, todos os dias da semana, inclusive nos fins de semana e feriados.

Uma medida protetiva de urgência também pode ser solicitada em qualquer Delegacia de Defesa da Mulher ou Delegacia de Polícia próxima à residência da vítima.

Ela é um mecanismo judicial para coibir e prevenir a violência de gênero. A suspensão da posse ou restrição do porte de arma de fogo e a proibição da aproximação e do contato do agressor com a vítima e seus familiares são algumas das ordens que podem ser concedidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *