Facções usam drones para monitorar e lançar granadas em rivais; veja

Os traficantes do Complexo de Israel e do Quitungo têm utilizado drones para vigiar e atacar mutuamente, em uma disputa entre grupos criminosos na zona norte do Rio de Janeiro. Com informações do SBT News.

FOTO: REPRODUÇÃO

A Polícia Civil apreendeu imagens que mostram quadrilhas armadas sendo monitoradas por facções rivais durante a noite. A tecnologia empregada permite calcular a distância entre os drones e os alvos desejados, como evidenciado em um vídeo que captura o momento em que uma granada é lançada.

Continua após a publicidade..

Os moradores das comunidades vivem em condições precárias. Por exemplo, um drone com explosivos caiu no telhado de uma moradora que tem três filhos. Felizmente, o dispositivo não detonou e ninguém ficou ferido.

“Uma granada caiu dentro da minha casa, no meu terraço. Tenho um filho especial e três crianças dentro de casa. Isso é uma covardia”, relatou uma mulher que preferiu não se identificar.

Fonte: SBT News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *