Na estreia de Ramón, Vasco perde para o Athletico-PR e segue na lanterna do Brasileirão

Nem mesmo a estreia do técnico Ramón Díaz fez o Vasco reagir no Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o time carioca foi superado pelo Athletico-PR por 2 a 0, em São Januário, pela 16ª rodada da competição.

Continua após a publicidade..

Vasco voltou a ser derrotado no Brasileiro – José Tramontin/Athletico-PR

Os gols de Christian e Vitor Bueno, ambos na segunda etapa, mantiveram o Vasco na última colocação, enquanto o Athletico-PR se aproximou do G-4. A partida foi realizada com portões fechados.

O Vasco demonstrou uma leve melhora sob o comando de Ramón Díaz, fazendo um jogo mais consistente, porém com os mesmos problemas na hora de definir o jogo.

Foi a terceira derrota seguida do Vasco no Brasileirão, amargando a 20ª colocação, com apenas nove pontos, a seis do Goiás, primeiro time fora da zona de rebaixamento. Vale lembrar que o time tem um jogo a menos a ser disputado contra o vice-lanterna, América-MG.

Já o Athletico-PR, ainda sob o comando do interino Wesley Carvalho, subiu três colocações e aparece em quinto lugar, com 26 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que fecha a rodada na segunda-feira, contra o Coritiba.

A primeira etapa foi morna. As equipes iniciaram o jogo com bastante estudo e focando mais na parte defensiva do que em criar situações ofensivas.

O Vasco teve mais posse de bola, mas alternou os lados de campo, procurando um espaço para infiltrar na área. Já o Atlhetico-PR se concentrou no meio de campo, sem forçar jogadas com o atacante Vitor Roque.

O ritmo lento manteve boa parte da partida. Os times seguiram a mesma estratégia e com erros de finalização. Os donos da casa até tentaram na reta final, mas Jair teve o chute desviado.

Enquanto do lado visitante, Canobbio acertou a rede do lado de fora. Pouco inspirados e sem o barulho da torcida, a primeira etapa foi sonolenta e os goleiros Bento e Léo Jardim, como meros figurantes.

Na segunda etapa, o Vasco voltou mais aceso. O time seguiu atacando pelos lados de campo e arriscou mais de fora da área, porém sem direção. Na bola aérea, Figueiredo perdeu uma grande chance. Livre de marcação, o atacante cabeceou para fora.

O Athletico era mais organizado em campo e quando chegou ao ataque foi fatal. Fernandinho lançou Vitor Roque, que cruzou para a chegada de Christian, que bateu de primeira para abrir o placar, aos 25 minutos.

O Vasco tentou respondeu de imediato, mas novamente Figueiredo, livre de marcação, cabeceou para fora. Quando voltou ao ataque, o time paranaense foi novamente fatal. Vitor Roque recebeu outro lançamento de Fernandinho e foi derrubado por Zé Vitor dentro da área.

Vitor Bueno deslocou Léo Jardim e ampliou a vantagem do Athletico, aos 34 minutos. Nos acréscimos, o Vasco tentou diminuir o prejuízo e ainda contou com a expulsão de Zé Ivaldo, porém não houve mais tempo para reagir e o Vasco chegou a sua terceira derrota seguida no Brasileiro.

As equipes voltam a campo no sábado, pela 17ª rodada. Em São Paulo, o Vasco visita o Corinthians às 18h30, na Neo Química Arena. No mesmo horário, o Athletico-PR recebe o Cruzeiro na Ligga Arena, em Curitiba.

Fonte: Estadão Conteúdo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *