Polícia Federal mira pastor, cantora gospel e mais oito pessoas na Operação Lesa Pátria

A Polícia Federal (PF) por meio da Operação Lesa Pátria, cujo o objetivo é identificar e prender responsáveis por incitar e participar da tentativa de golpe do dia 8 de janeiro, cumprirá nesta quinta-feira (17/08) dez mandados de prisão.

Dois dos acusados foram identificados como o líder religioso evangélico Dirlei Paz que usava da sua plataforma digital para incitar ódio ao atual presidente Lula (PT), e, a cantora gospel Fernanda Oliver que utilizou de suas redes sociais para fazer transmissão ao vivo dos eventos do dia 8 de janeiro. Os demais foram influenciadores digitais.

Continua após a publicidade..
Atos golpistas aconteceram no dia 8 de janeiro em Brasília (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

A convocação chamada de “Festa da Selma” continha instruções detalhadas e coordenadas para articulação e desenvolvimento da invasão dos Três Poderes.

Além disso, a PF cumpre mais 16 mandados de busca e apreensão. A Operação Lesa Pátria foi autorizada pelo Ministro do Supremo (STF), Alexandre de Moraes.

oito meia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *